Profº Dr. Adalberto fazzio, ex-Diretor do IFUSP | Créditos: Cecília Bastos, Jornal da USP