A matéria em condições extremas: de colisões próton-próton a colisões chumbo-chumbo no LHC

Data de Início: 
quinta-feira, 30 Novembro, 2017 - 15:00
Palestrante: 
Prof. Dr. David Dobrigkeit Chinellato
Local: 
Auditório Abrahão de Moraes

Colisões de íons pesados no Large Hadron Collider (LHC), no  CERN, permitem que a matéria seja estudada em condições  extremas de temperatura e densidade de energia nas quais se  espera que ocorra a formação do Quark-Gluon Plasma (QGP). O experimento ALICE, do inglês "A Large Ion Collider Experiment",  tem como principal objetivo o estudo deste novo estado da  matéria e, para tanto, é dotado de múltiplas técnicas de  identificação de partículas. Neste colóquio, descreverei  alguns dos resultados mais recentes do ALICE, dando ênfase ao  setor de partículas identificadas e no estudo sistemático de  fenômenos associados ao QGP que vem sendo realizado pela  colaboração em colisões próton-próton, próton-chumbo e  chumbo-chumbo.

INFORMAÇÕES SOBRE O PALESTRANTE: O Prof. Chinelatto possui Bacharelado (2004), mestrado (2007) e doutorado (2012) em  Física pela Universidade Estadual de Campinas.  Possui experiência em dinâmica molecular (iniciação científica) e  sistemas complexos (mestrado) e mais recentemente também em  colisões de íons pesados ultra-relativísticos. Atualmente é  professor doutor I da Universidade Estadual de Campinas. Nos trabalhos mais recentes envolvendo colisões de íons pesados,  atuou principalmente no tema de produção de estranheza em  colisões próton-próton, próton-chumbo e chumbo-chumbo medidas  pelo A Large Ion Collider Experiment (ALICE) no acelerador Large  Hadron Collider (LHC). Atuou como coordenador das atividades de  análise de estranheza do experimento ALICE nos anos de 2013 e 2014 e coordenador das atividades de análise de "Light Flavor"  nos anos de 2015 e 2016. É atualmente membro do Physics Board e  Management Board do ALICE e ocupa o cargo de Editorial Board  Chair deste experimento desde outubro de 2017.

Esta palestra NÃO será transmitida via IPTV