César Lattes: conheça a trajetória do brasileiro injustiçado pelo Nobel

Físico curitibano foi responsável por descobrir uma partícula subatômica que inaugurou um novo campo da ciência — mas o laureado foi o chefe da equipe

Por: Marília Marasciulo, Galileu. Acesse aqui a matéria original.


Quem já esteve na universidade provavelmente ouviu falar sobre a plataforma Lattes, que reúne currículos acadêmicos de pesquisadores e professores brasileiros e estrangeiros que atuam no país. O que muitos podem não saber é que o programa foi batizado em homenagem ao cientista curitibano César Mansueto Giulio Lattes. O físico tornou-se conhecido por descobrir a partícula subatômica méson pi (píon), que rendeu o Prêmio Nobel de Física — e uma posterior controvérsia — ao norte-americano Cecil Frank Powell, em 1995. Saiba mais...

Imagem: Wikimedia Commons