Destaque do Ciência USP #17: Quão profundos são os mares em Titã, a maior lua de Saturno?

Neste episódio, conversamos com o professor do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP, Eduardo Janot Pacheco, para entender como os cientistas conseguiram calcular a profundidade do maior mar de Titã 

Por: Mariana Marques, Jornal da USP. Acesse aqui a matéria original.


Em um artigo publicado na Journal of Geophysical Research no início deste ano, pesquisadores da Universidade de Cornell, nos Estados Unidos, estimaram a profundidade do Kraken Mare, o maior mar da lua de Saturno, Titã. A descoberta abre novas possibilidades para a exploração do astro mais semelhante ao planeta Terra, no Sistema Solar. Com dados obtidos por meio de um radar na missão espacial Cassini-Huygens, uma das mais produtivas da história, os pesquisadores conseguiram calcular que o mar, composto de metano líquido, possui cerca de 300 metros de profundidade. O dado permite que os astrônomos cogitem a possibilidade de, no futuro, enviarmos um submarino robótico até o Kraken Mare para explorá-lo. Saiba mais...

Imagem: Divulgação