Transporte eletrônico em circuitos quânticos

Data de Início: 
quinta-feira, 9 Agosto, 2018 - 16:00
Palestrante: 
Prof. Dr. Luis Gregorio Dias da Silva (IFUSP)
Local: 
Auditório Abrahão de Moraes - IFUSP

O transporte eletrônico em um condutor "clássico" é, em geral, bem descrito pela Lei de Ohm, que relaciona a corrente elétrica com a diferença de potencial entre os extremos do condutor. No caso de sistemas mesoscópicos, no entanto, o transporte de elétron envolve efeitos quânticos e a descrição clássica não é mais adequada. Um paradigma na descrição de transporte eletrônico em sistemas quânticos é a fórmula de Landauer, que associa a condutância elétrica à transmissão quântica através de uma região entre dois contatos metálicos.

Em 1992, Meir e Wingreen generalizaram a fórmula de Landauer para sistemas de elétrons interagentes que obedecem à chamada condição de "acoplamento proporcional": a geometria da conexão do sistema com o contato da esquerda tem que ser idêntica à do contato da direita, a menos de uma constante multiplicativa nos acoplamentos. Neste colóquio, farei uma revisão destes conceitos e apresentarei uma extensão do formalismo de Meir-Wingreen para uma classe de sistemas mesoscópicos que não  obedecem à condição de acoplamento proporcional. Esta generalização abre novas possibilidades para o estudo de circuitos quânticos de geometrias diversas e que envolvam a ação combinada de correlações locais entre os elétrons e efeitos de interferência quântica.

SOBRE O PALESTRANTE: Possui graduação em Física (1995), mestrado em Física (1997) e doutorado em Ciências (2002) pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Tem pós-doutorados pela UFSCar (2002-2004), Ohio University (Ohio, EUA, 2004-2007) e Laboratório Nacional de Oak Ridge (Tennessee, EUA, 2007-2010). Atualmente é professor junto ao Departamento de Física dos Materiais e Mecânica do Instituto de Física da Universidade de São Paulo (USP). Suas linhas de pesquisa atuais incluem transporte eletrônico e efeitos de correlação em materiais nanoestruturados, isolantes e supercondutores topológicos e métodos computacionais baseados em grupo de renormalização (NRG e DMRG).

transporte eletrônico, efeito Kondo, fórmula de Landauer

Transmissão via IPTV - http://iptv.usp.br/portal/video.action?idItem=39297